Análise de redes sociais na indústria farmacêutica: um estudo com farmácias e drogarias

Moacyr Cortelette Junior, Teresa Cristina Janes Carneiro

Resumo


O objetivo desse estudo foi, a partir do mapeamento da integração de dados entre farmácias e drogarias, visualizar os efeitos da tecnologia da informação na formação de redes sociais e verificar se os laços sociais motivam a formação de um ambiente colaborativo entre empresas que competem entre si no setor. Foram realizadas entrevistas e observação direta em 66 drogarias e farmácias em 11 bairros de Vila Velha/ES. Para o mapeamento e análise da rede social, foi utilizado o software UCINET. Das empresas estudadas, 48 estão conectadas a uma rede social de relacionamentos tanto formal quanto informal, por meio da qual a informação pode fluir potencializando a comunicação e a integração no setor. Das empresas mais isoladas, 66,67% são farmácias, indicando uma tendência de não integração à rede social em comparação com drogarias. A densidade calculada da rede social foi de 4,2%, refletindo a existência de componentes com número reduzido de vértices. Se considerada apenas a componente principal, a densidade sobe para 7,62%, indicando que a densidade da rede social pode ser aumentada caso haja esforço dos atores da componente principal em integrar as demais componentes. Observou-se a existência de ampla gama de conexões possíveis que, se forem estabelecidas, podem ajudar a reduzir a fragilidade da rede social.


Palavras-chave


Análise de redes sociais. Integração. Indústria farmacêutica. Redes de empresas. UCINET.

Texto completo:

ARTIGO ♪AUDIO♪


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v12i4.1006

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com