Geração de spin-offs tecnológicos - um estudo multicaso

Jonas Mendes Constante, Nathalia Fiala, Tales Andreassi

Resumo


O objetivo do estudo é compreender como pequenas e médias empresas podem inovar por meio de spin-offs tecnológicos, identificando motivações, influências e barreiras para realização deste fenômeno. A pesquisa classifica-se como qualitativa e exploratória, sendo analisados quatro casos de spin-offs tecnológicos no Estado de Santa Catarina. Os dados foram coletados a partir de observações em campo, dados históricos e entrevistas semiestruturadas. As principais motivações encontradas para geração de spin-offs foram: diversificação e complemento à cadeia de valor da empresa-mãe, e garantia de maior foco para uma tecnologia específica. Já a principal barreira encontrada foi a falta de capital. As iniciativas governamentais de apoio à criação de novas empresas, aliadas à cultura organizacional aberta ao empreendedorismo e investimentos em P&D contribuíram para o desenvolvimento dos spin-offs analisados. Este trabalho contribui para o entendimento de que pequenas e médias empresas de base tecnológica são fonte de geração de spin-offs tecnológicos e podem beneficiar-se com a ocorrência deste processo.

Palavras-chave


Spin-Offs. Tecnologia. Inovação. Empreendedorismo Corporativo.

Texto completo:

ARTIGO ♪ÁUDIO♪


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v14i2.1436

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com