Associações entre CMMI-DEV 1.2 E ISO/TS 16949

Altamar Urbanetz de Araújo Albanez, Carla Cristina Amodio Estorilio

Resumo


O setor automotivo é um dos mais arrojados em termos de qualidade, demandando a certificação ISO/TS 16949. Apesar disso, algumas empresas a perdem ou obtêm poucas melhorias por indícios de que não possuam maturidade suficiente para manter essa certificação, nem diretrizes para melhoria contínua. Considerando que o CMMI é um dos métodos de diagnóstico de maturidade, o objetivo desse trabalho é identificar a viabilidade de associar a ISO/TS 16949 com o CMMI-DEV 1.2. O procedimento metodológico adotado consiste em uma revisão sobre PDPs, certificação da qualidade e maturidade de processo e, posteriormente, uma associação entre os dois modelos. Da análise, conclui-se que uma empresa certificada pela ISO/TS não necessariamente atinge nem ao nível 2 de maturidade. Além disso, constata-se que, enquanto o CMMI aponta quais itens estão descobertos e devem ser desenvolvidos a ISO/TS apenas estimula a “melhoria contínua”, sem um plano ou diagnóstico para a empresa atingi-la operacionalmente.


Palavras-chave


Processo de Desenvolvimento de Produtos. Certificação da Qualidade. ISO/TS-16949. Maturidade de Processo. CMMI.

Texto completo:

ARTIGO ♪ÁUDIO♪


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v14i2.1483

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com