Análise do impacto da variabilidade de fluxo no dimensionamento de kanbans

Isaac Pergher, Luciano Auad da Silva, Diego Augusto de Jesus Pacheco, Guilherme Luis Roehe Vaccaro

Resumo


O objetivo deste artigo é analisar os efeitos da variabilidade de fluxo, preconizada pela Factory Physics, no dimensionamento de Kanban em sistemas produtivos. A variabilidade de fluxo pressupõe que a variabilidade existente nas atividades executadas por um processo é dissipada ao longo de todo o fluxo produtivo do sistema, causando variações no lead time, no nível de estoques em processo e na disponibilidade de equipamentos, entre outros. Para conduzir a investigação, foi criado um modelo didático de simulação computacional por eventos discretos. O modelo proposto visa apresentar os possíveis impactos provocados pela variabilidade de fluxo no sistema produtivo no dimensionamento do número de cartões Kanban, a partir dos resultados fornecidos por dois cenários distintos investigados. Os principais resultados da pesquisa permitem evidenciar que, comparando os dois cenários desenvolvidos para o modelo, a presença de variabilidade no sistema produtivo causou um aumento médio de 32% no número de cartões Kanban (p=0,000). Isso implica que, em sistemas produtivos reais, o estudo de dimensionamento de Kanbans deveria contemplar as variabilidades individuais das operações, fato por vezes relegado a um pressuposto na formulação da literatura que trata da definição do número de Kanbans, oportunizando assim o desenvolvimento de pesquisas futuras nesse sentido.


Palavras-chave


Kanban. Variabilidade de Fluxo. Modelagem. Simulação Computacional. Factory Physics.

Texto completo:

ARTIGO ♪ÁUDIO♪


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v14.i1.1542

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com