O uso de tecnologias para o processo de preparação de pedidos: implicações e proposições

Jorge Arnaldo Troche Escobar, Maria do Sameiro Faria Brandão Soares de Carvalho, Francisco Gaudêncio Mendonça Freires

Resumo


Na atualidade, são inúmeros os desafios enfrentados pelas empresas no que diz respeito à sua competitividade num mercado global e complexo, sendo necessária uma permanente revisão e reavaliação dos seus processos de gestão. O processo de preparação de pedidos (picking) em armazéns é um dos mais críticos, quer pela sua complexidade quer pelo seu custo elevado, pelo que elevados níveis de eficiência são necessários e desejáveis. O objetivo deste artigo é apresentar os resultados de uma pesquisa sobre as tecnologias de preparação de pedidos em armazéns. Foi desenvolvido um modelo conceptual e uma metodologia para suportar a escolha de soluções tecnológicas para a estratégia de picker-to-part. A abordagem proposta incorpora as várias dimensões do processo de decisão sobre avaliação e seleção das tecnologias de preparação de pedidos com base tanto na revisão bibliográfica, quanto a partir de contribuições empíricas obtidas junto de uma empresa fornecedora de tecnologias de preparação de encomendas. No processo de decisão destaca-se a elevada complexidade, pois envolve vários níveis de decisão e várias dimensões que passam pelo layout do armazém, a metodologia de preparação de pedidos, o nível de rastreabilidade a atingir, o modelo de codificação dos produtos, entre outros fatores determinantes, para além do custo da própria solução tecnológica.


Palavras-chave


Preparação de pedidos. Tecnologias. Armazéns.

Texto completo:

PDF ♪ÁUDIO♪


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v15i1.1743

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com