Programa Seis Sigma: aspectos sinérgicos com outras abordagens de gerenciamento da qualidade

Silvia Helena Boarin Pinto, Marly Monteiro de Carvalho, Linda Lee Hoo

Resumo


Diversas abordagens de gestão da qualidade têm sido adotadas em todos os continentes há décadas. Uma das mais recentes, o programa Seis Sigma, vem sendo implementado por um número crescente de empresas. O Seis Sigma surge no atual cenário, em que as organizações realizam grandes investimentos na implementação de programas de melhoria da qualidade e se deparam com situações críticas como a mensuração do retorno sobre o capital investido, bem como a análise criteriosa dos benefícios alcançados. A proposta deste artigo é identificar as principais características do Seis Sigma, discutir quais os fatores críticos na sua implementação, as ferramentas e técnicas que suportam este processo, bem como sua relação com outros consagrados programas de melhoria da qualidade. A abordagem metodológica utilizada foi o estudo de múltiplos casos, desenvolvido em dez grandes empresas brasileiras de diferentes setores industriais. A pesquisa concluiu que existe sinergia entre o Seis Sigma e os demais programas e as organizações que adotaram o Seis Sigma obtiveram benefícios financeiros e de qualidade.

Palavras-chave


programas de melhoria da qualidade, seis sigma.

Texto completo:

artigo como citar ♪audio♪


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v9i1.203

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com