Perspectivas para a adequação de competências na formação do designer baseadas numa proposta pedagógica de desenvolvimento sócio-econômico

Claudelino Martins Dias Junior, Marcelo Kammer Faria do Carmo

Resumo


O repensar dos conteúdos pedagógicos mais ajustados ao desenvolvimento de competências para o profissional em design deve levar em consideração o fato de que esses mesmos conteúdos têm uma relação de interdependência com outras áreas do conhecimento. Sugere-se, então, como base primeira de análise, a proposição de uma concepção do design, consoante uma perspectiva unificadora de conceitos, concebendo o designer tendo em conta as efetivas necessidades de consumo de bens e serviços, bem como a pluralidade de contextos sociais em que esse profissional é demandado. Dessa forma, o novo perfil para o designer deve partir de uma revisão de habilidades a serem desenvolvidas nos cursos de graduação, tendo por objeto formar um profissional não somente interessado em promover o caráter estético e funcional de um dado produto, mas, sobretudo, conceber um agente solucionador de demandas externas que esteja apto a interagir com os demais subsistemas sociais.

Palavras-chave: design, designer, competências.

 


Texto completo:

ARTIGO


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v6i3.634

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com