Nível de maturidade de arranjos produtivos locais (APL): um diagnóstico no APL de bonés de Apucarana – PR

Rodolfo Reinaldo Petter, Luis Maurício Resende, Fabrício Alexandre Alves Ceranto

Resumo


O presente trabalho teve como objetivo de avaliar o nível de maturidade do arranjo produtivo local de bonés de Apucarana – PR, de modo que seja possível identificar os aspectos que envolvem a cadeia produtiva que necessitam de melhorias. Para alcançar este objetivo, aplicou-se para a governança do aglomerado, o questionário desenvolvido por Pietrobon (2009), no qual, o nível de maturidade é determinado a partir da avaliação de 14 aspectos relacionados com a cadeia produtiva de um APL e que, consequentemente, interferem na competitividade das empresas da rede. Assim, esta pesquisa classifica-se como aplicada do ponto de vista de sua natureza, visando gerar conhecimentos para aplicação prática no aglomerado pesquisado, também úteis na resolução de problemas específicos, tanto no âmbito empresarial como no científico, onde pouco se tem abordado a gestão de aglomerados sob o ponto de vista do nível de maturidade. Quanto à forma de abordagem, a pesquisa classifica-se como quali-quantitativa, pois mapeia o nível de maturidade de forma quantitativa, ao mesmo tempo em que fornece resultados qualitativos úteis para direcionar o gerenciamento do aglomerado. Como resultado, foi possível obter informações que terão utilidade na realização de melhorias por parte da governança do APL. O escore obtido foi considerado positivo, porém aponta um abrangente leque de melhorias que podem ser realizadas na rede por parte da governança objetivando o aumento da competitividade das empresas da rede e consequente aquecimento da economia local/regional.


Palavras-chave


Maturidade; Arranjo Produtivo Local; Desenvolvimento de aglomerados produtivos; Competitividade.

Texto completo:

PDF/A ♪AUDIO♪


DOI: https://doi.org/10.14488/1676-1901.v11i3.875

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM


R. Eletr. de Eng. de Produção e Correlatas - ISSN 1676-1901 Creative Commons License
Esta obra está licenciada sob uma Licença Creative Commons. © 2002 / Todos os direitos reservados Associação Brasileira de Engenharia de Produção (ABEPRO) Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).                           Contato: producaoonline@gmail.com